O CAMINHO

Há dois caminhos, o do amor e o da dor, que são como uma rua que começa com um nome e continua com outro.

O caminho do amor existe para aquele que já cursou o da dor, pois atingir os graus das iniciações sem ter passado pela dor é utopia.

A parábola do filho pródigo (Lucas 15.11) representa a essência dessa caminhada.

Não poderemos nos tornar puros, se não tivermos sido impuros, não poderemos entrar se não estivermos fora, não poderemos valorizar o céu, se não tivermos passado pelo inferno.

Se não apontarmos o argueiro no olho de nosso irmão, não haverá alguém para apontar a trave em nosso olho (Mateus 7.3), e se não condenarmos nossa irmã adultera, não haverá alguém para nos alertar de nossos pecados (João 8.3), se não houver um bom samaritano que faça aquilo que deveríamos ter feito, nunca tomaremos consciência de nossas obrigações cristãs (Lucas 10.25), se não houver uma viúva pobre a nos ensinar solidariedade, não sairemos do nosso trono de hipocrisia, para nos tornarmos humildes (Mateus 6.1), se não desprezarmos o caminho do amor, não seremos lançados nas trevas exteriores, para depois participarmos do festim das bodas (Mateus 22.1).

Para percorrermos o caminho do amor, é necessário termos vivido intensamente, em várias encarnações, as mais dolorosas situações, aí então saberemos valorizar as beatitudes de uma vida espiritual.

Tu que lamentas a atual situação planetária, apascenta teu coração e aguarda que a justiça virá e te recolherá no seio da bem aventurança.

Tu que escutastes dizer: Ai de ti Corozain! Ai de ti Betsaida! Porque, se em Tiro e Sidon se tivesse operado os grandes sinais que em vos se operam, desde há muito se teriam convertido por entre cilício e cinzas. Mas eu vos digo que, no dia do juízo, terão Tiro e Sidon sorte mais benigna do que vos. (Mateus 11.20).

Tu que acompanhas a deterioração social em que nos encontramos e vituperas contra teu irmão menos evoluído, que assalta estupra, corrompe, entenda que a hora chegou, que toda noite é abençoada pela alvorada que traz consigo a luz gloriosa de um dia de sol.

 

 

Fabio A. S. Prado

ocultista

 

Anúncios

Publicado por

Blog Do Fábio Prado

Este blog visa criticar a situação caótica da vida social, politica e religiosa deste pais. Tudo que escrevo e talvez se Deus me permitir escreverei faz parte daquela verdade que acredito e há muitos anos venho estudando, pode não ser a sua verdade ou a verdade verdadeira, mas venho notando que no mundo há duas facções de pessoas, as que acreditam na reencarnação e as que não acreditam. É para aquelas que acreditam que vou tentar passar um pouco dos conhecimentos que adquiri ao longo desta existência. Peço a Deus que ilumine meus pensamentos e guie meus passos nessa trajetória de tentar me tornar um arauto do Senhor. Que a paz e o amor de Jesus esteja conosco agora e sempre. Não reparem a minha escrita pois só tenho o curso primário. Fabio A. S. Prado Ocultista

2 comentários em “O CAMINHO”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s